• Autor José Mauro de Vasconcelos
  • Ilustrador
  • Coleção Dinapress
  • ISBN 9789728202118
  • PVP 12,99 € (IVA incluído)
  • preço livre
  • 1ª Edição janeiro de 1965
  • Edição atual
  • Páginas 270
  • Apresentação capa mole
  • Dimensões 139 x 210 x 17 mm
  • Idade

Romance sobre a cultura indígena em conflito com a ambição do branco que quer explorar-lhe a terra e a lealdade entre uns poucos idealistas que procuram dar condição de sobrevivência aos índios.

Arraia de Fogo tem como fio condutor a história de um homem isolado na selva e a devoção de um menino índio. Caiá, jovem jornalista, absolvido de crime passional, refugia-se na selva para trabalhar com os sertanistas. Mas, na ocasião, os índios estão sendo dizimados pela epidemia levada pelos brancos. Os conflitos com estes e a paixão pela índia Maiútac levam Caiá ao vício do álcool e à perda da razão.

Arraia de Fogo é um romance épico que discute a política indígena dos tempos que precederam a fundação do Parque Nacional do Xingu, sonho dos irmãos sertanistas Orlando e Cláudio Vilas Boas. Transformados em personagens do livro. 

* Edição: Dinapress. Distribuição: Topseller. 

José Mauro de Vasconcelos nasceu no Rio de Janeiro em 1920 e faleceu em São Paulo em 1984.

Descendente de portugueses, o autor teve vários empregos durante a adolescência, viajando depois por todo o Brasil e por vários países europeus.

O seu primeiro grande êxito foi Rosinha, Minha Canoa (1962). Em 1968 publicou o seu livro mais conhecido, O Meu Pé de Laranja Lima, que já foi adaptado para televisão, cinema e teatro.

Pelo conjunto da sua obra é hoje considerado um autor clássico da literatura juvenil brasileira do século XX.





Outros livros do mesmo autor

As Confissões de Frei Abóbora

José Mauro de Vasconcelos

Neste livro, o autor explora grandes temas de toda a sua obra - a defesa dos índios brasileiros e as paixões que se ocultam nas profundezas de cada ser.

Arara Vermelha

José Mauro de Vasconcelos

Um romance em torno do índio do sertão do Araguaia, de sua língua, de seus costumes e do conflito dos mestiços, divididos entre a cultura branca e a indígena.

Vazante

José Mauro de Vasconcelos

Com Vazante o autor desnuda a alma humana, mostrando suas paixões e violências.

Banana Brava

José Mauro de Vasconcelos

Romance sobre o garimpo de cristais nos sertões de Goiás, contrapondo aventureiros ambiciosos aos sertanejos ligados à terra. O primeiro livro de José Mauro de Vasconcelos.

Rua Descalça

José Mauro de Vasconcelos

Um romance urbano que aborda a essência do cristianismo - a solidariedade ao povo humilde e a força da fé em circunstâncias adversas.

Barro Blanco

José Mauro de Vasconcelos

Barro Blanco, um dos grandes romances regionalistas brasileiros, revela a trágica vida dos deserdados submetidos a trabalhos escravizantes, sem perspectiva de melhoria.